Disjuntores, o que é? Como funciona?

Mini Disjuntores DIN. Fonte: Internet

Disjuntor é um dispositivo de segurança e manobra, ou seja, é feito para proteger o circuito alimentado através dele e para que seja ligado e desligado quando necessário. Existem basicamente 3 tipos de disjuntores:

  • Magnético
  • Térmico
  • Termomagnético

Disjuntor Magnético

O disjuntor magnético funciona através do eletromagnetismo, quando uma corrente superior a definida passa pela bobina interna do disjuntor, ela gera um campo eletromagnético nesta mesma bobina, fazendo com que haja atração entre a bobina e a chapa metálica, abrindo o circuito protegido pelo disjuntor. O efeito é imediato, sendo possível colocar ele no lugar do fusível.


Disjuntor Magnético. Fonte: Internet

Disjuntor Térmico

O Disjuntor Térmico funciona no seguinte principio: uma lamina bimetálica recebe a corrente, e quando a mesma é superior a nominal a lâmina se deforma, por ser feita de dois metais diferentes ela se deforma de forma desigual, envergando para um lado, abrindo o circuito e protegendo o mesmo. Vale lembrar que disjuntor térmico deve ser utilizado somente para proteção de sobrecargas por períodos prolongados e não para curto-circuito pelo elevado tempo de deformação das laminas em comparação com a resposta do magnético.

Disjuntor Térmico. Fonte: Internet

Disjuntor Termomagnético

O Disjuntor Termomagnético une as duas tecnologias em uma só, servindo como proteção tanto térmica quanto para curto circuitos. Muito utilizado em residencias e comércios.

Modelos

Atualmente temos 2 modelos no mercado, o DIN e o NEMA para correntes de até 120A, sendo que possuem versões com 1, 2 ou 3 polos dependendo do circuito a ser protegido, acima disso somente caixa moldada.

  Modelo DIN

Disjuntor DIN Steck Tripolar. Fonte: Internet

Modelo NEMA

Disjuntor NEMA. Fonte: Internet

Normatização

Devemos seguir a NBR5410 para dimensionamento e aplicação desses disjuntores, maiores informações você também encontra nas normas NBR60898:2004 (Disjuntores para proteção de sobrecorrentes para instalações domésticas e similares (IEC 60898:1995, MOD) e ABNT NBR IEC 60947-2:2013  (Dispositivo de manobra e comando de baixa tensão Parte 2: Disjuntores), essa última tem 3 versões .

Outras Observações

O disjuntor padrão DIN oferece uma proteção muito maior, pois o NEMA possui uma capacidade de interrupção de aprox. 66% comparado ao DIN, outro detalhe é sua estrutura, normalmente a fixação dos cabos no padrão NEMA é feita por terminal olhal, facilitando a soltura indesejada dos cabos, enquanto o padrão DIN possui uma braçadeira com ranhuras, fornecendo uma fixação muito maior, o padrão DIN possui a bobina e o bimetálico enquanto o NEMA somente bimetálico.

Simplificando, a segurança fornecida pelo modelo DIN é superior ao NEMA, tanto em velocidade de resposta quanto em estrutura.

————————————————————————————-

Temos outros artigos sobre disjuntores, recomendo a leitura das curvas dos disjuntores também.

Continua com dúvida? Escreva para gente, utilize o fórum ou comente abaixo, ficaremos felizes em te ajudar.

Curta, compartilhe e comente, assim você ajuda muito.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.